Notícias

Valorizar quem dedicou a vida para cuidar da saúde da população

No dia 24 de janeiro é comemorado o Dia do Aposentado. Data para valorizar ainda mais as servidoras e os servidores da Saúde que trabalharam durante grande parte de sua vida para cuidar da população.

São trabalhadoras e trabalhadores que, mesmo tendo que enfrentar, muitas vezes, a falta de condições ideais, nunca se omitiram de suas funções nem de honrar o seu trabalho, sempre respeitando o povo paranaense.

É, portanto, um dia de luta por reconhecimento e por dignidade.

 

Desrespeito do governo

Mesmo depois da aposentadoria, nossa categoria continua sofrendo sérios ataques do governador Ratinho Jr.

Um exemplo é a recente reforma da Previdência, que reduziu o teto de isenção dos aposentados de R$ 6.101,05 para três salários-mínimos (R$ 3.135,00, na época, e R$ 3.300,00, hoje) e aumentou a alíquota previdenciária de 11% para 14%.

Além de atingir os aposentados, a reforma também atingiu pensionistas e o pessoal da ativa, e afetará aqueles que ingressarem futuramente na carreira.

É a maneira perversa de Ratinho Jr governar o Paraná.

Agora, em meio à pandemia, o governador pretende descumprir o compromisso de pagamento de reajuste parcelado no acordo firmado para encerrar a greve de 2019.

 

Lutamos por dignidade

Lutamos para que nossos aposentados possam viver com a dignidade e com a qualidade de vida que merecem, depois de tantos anos dedicados ao povo do Paraná.

Por isso, entramos com processo na Justiça e atuamos junto com a bancada de oposição na Assembleia Legislativa do Paraná na busca pela redução do valor da alíquota previdenciária, e pela redução do teto de contribuição.

Não daremos trégua. Enquanto houver injustiça, do nosso lado não haverá silêncio. Lutaremos incansavelmente na defesa daqueles que tanto fizeram pela população do nosso estado.

 

Fonte: SindSaúde-PR