NotíciasVídeos

SindSaúde-PR participa de ato contra projeto que acaba com as carreiras dos servidores. Votação ficou para terça (15)

Dirigentes do SindSaúde-PR e do FES realizaram um ato protocolado (com quantidade reduzida de pessoas para evitar o risco de contágio por Covid-19) na tarde de hoje (14), em frente à Assembleia Legislativa do Estado do Paraná (Alep), contra o Projeto de Lei Complementar (PLC) 19/2020 do governador Ratinho Jr, que destrói as carreiras do funcionalismo estadual.

Na sessão de sexta-feira (11), deputados da oposição apresentaram emendas e, por isso, o projeto voltou a ser discutido hoje na Comissão de Constituição de Justiça (CCJ) da casa, para avaliarem sobre a legalidade e sobre a constitucionalidade das emendas. A oposição pediu vistas e a proposta deve ser votada na CCJ amanhã (15).

O SindSaúde-PR desenvolveu diversas ações de resistência, com o apoio da categoria.

Precisamos manter nossa mobilização, principalmente virtual, para que este projeto não seja aprovado. Nossa categoria não pode dar trégua! Clique no link acima e veja os contatos (WhatsApp, redes sociais e e-mails) dos deputados.

 

Projeto de maldades

O governador paranaense, Ratinho Jr, já retirou dos servidores mais de R$ 26 bilhões nos últimos anos, na Previdência, no valor das horas trabalhadas, na data-base e, agora, ainda quer congelar os direitos adquiridos de mais de 20 categorias.

Não podemos mais permitir mais essa falta de respeito do governo estadual. Nossa luta segue em frente!

 

Fonte: SindSaúde-PR