SindSaude Quinta-feira, 22 de agosto de 2019

Notícias

Imprimir
  • 12/07/2019

    Mais trabalho e menos renda

    Mais trabalho e menos renda
    Câmara aprova em primeiro turno mudanças na previdência

    Com o placar de 379 a 131, foi aprovada na última quarta-feira, 10 de julho, a PEC 6/2019, que promove mudanças radicais nas regras para a aposentadoria. Entre as/os 30 deputada/os do Paraná, apenas seis foram contra as mudanças que minimizam os direitos da população brasileira.

    Caso a PEC avance nas demais etapas, quem ainda não adquiriu o direito terá que trabalhar mais para poder se aposentar. Ninguém vai se aposentar antes de 62 anos se mulher e 65 anos no caso dos homens. Para ter direito a todo o vencimento, a/o trabalhador/a terá que ter contribuído durante 40 anos.

    Outro prejuízo é com relação ao cálculo das aposentadorias. Atualmente, com 15 anos de contribuição, as pessoas têm direito a receber o valor referente à 85% das melhores contribuições – exclui-se as 20% menores. Caso a mudança entre em vigor, para ter direito a 60% do valor será necessário ter contribuído por pelo menos 20 anos no caso dos homens.

    Também irá mudar a vida da/o brasileira/o para pior são as alterações nas regras para recebimento de pensões. Mudanças que vão atingir diretamente as/os mais necessitadas/os. Viúvas/os só vão ter direito a 60% da pensão caso não tenham dependentes. A nova lei permite inclusive benefícios abaixo do salário mínimo.

    Confira AQUI tudo sobre a PEC 6/2019.

    Paraná – Confira a seguir o nome das/os 24 deputados federais do Paraná que votaram a favor das mudanças.

    Com informações do Brasil de Fato

Esta matéria pode ser reproduzida desde que citada a fonte.

Av. Marechal Deodoro, 314, 8º andar, conjunto 801 - Edifício Tibagi, Curitiba, PR CEP: 80010-010 Telefone: (41) 3322-0921 E-mail: contato@sindsaudepr.org.br

DOHMS