SindSaude Terça-feira, 11 de dezembro de 2018

Notícias

Imprimir
  • 03/04/2018

    Legado! Que legado?

    Legado! Que legado?
    Fotos: Marcio Mittelbach e equipe do SindSaúde
    Brava gente intensifica protestos contra secretário-candidato

    Se o secretário-candidato, Caputo Neto, achou que iria sair por aí fazendo campanha antecipada impunemente ele se enganou. A brava gente da Saúde realizou terça-feira, 3 de abril, um dia intenso de mobilização. Caputo Neto pode ter esquecido as reivindicações das/dos servidoras/es, mas nós não. Vamos incomodá-lo até o último minuto da gestão. E depois também!

    O dia de luta começou com um protesto irreverente em um evento que reuniu milhares de pessoas de todo o Estado em uma casa de eventos. O local não só é privado como tem o nome de uma empresa de planos de saúde. Não é de se estranhar vindo de uma gestão que prioriza as/os empresárias/os da doença em detrimento das unidades próprias da Sesa.

    Fantasiadas/os de doentes, as/os servidoras/es chamaram a atenção dos participantes para as reais condições da Sesa. Unidades caindo aos pedaços, falta de material e uma profunda falta de pessoal fazem parte do verdadeiro legado desta gestão. Também foi usado um caminhão de som que quase teve a circulação vetada. Isso porque a PM foi acionada para impedir a atuação sindical. Mas o troco foi dado de imediato já que mostramos a lei municipal – artigo 11 da Lei 10.625 - que permite este tipo de intervenção e seguimos com o ato.

    Discurso  Feito o credenciamento, as/os participantes do evento se dirigiram a um dos mais sofisticados teatros da cidade. Tudo pago com dinheiro público, claro. Depois da apresentação de um vídeo em que colegas do secretário pedem apoio para sua campanha de forma descarada, Caputo começou seu discurso. Ele mesmo resumiu sua fala como um balanço da gestão. Nada de apresentar as estratégias nem os números reais do Programa Mãe Paranaense. Esses dados deveriam ser o real intuito de o Estado bancar o deslocamento de todas aquelas pessoas.

    Nos mais de 25 minutos de discurso o secretário-candidato pouco falou sobre as unidades próprias. Também se esqueceu de falar dos quase nove mil servidoras/es da pasta, as/os verdadeiras/os protagonistas do serviço público. Também pudera. Ele poderia ter reajustado a GAS e não o fez. Poderia ter recomposto as equipes de trabalho. Também não fez.

    Nem mesmo a jornada de trabalho para quem tem lei federal Caputo não teve a capacidade de fazer.

    Sesa  A brava gente encerrou o dia de protestos com uma manifestação em frente à Secretaria de Saúde. Lá as/os servidoras/es mandaram o recado: não vamos nos afastar da luta. O real balanço desses sete anos de gestão é lamentável e vamos seguir bradando isso aos quatro ventos.

    Parabéns a todos que participaram das atividades. Vem muito mais por aí!

    Confira a galeria de fotos da mobilização.

    3 de Abril - Bota fora Beto e Caputo

Esta matéria pode ser reproduzida desde que citada a fonte.

Av. Marechal Deodoro, 314, 8º andar, conjunto 801 - Edifício Tibagi, Curitiba, PR CEP: 80010-010 Telefone: (41) 3322-0921 E-mail: contato@sindsaudepr.org.br

DOHMS